Alta Performance Desportiva

7×1

the-ball-stadion-football-the-pitch-47730

por Federico Giordano

Será que esse singelo título precisa alguma explicação? Seguramente, se você é brasileiro, não haverá nenhuma necessidade.

Pois é, embora esse placar vá assombrar a maioria dos habitantes da Terra de Santa Cruz durante algum tempo, o texto que segue não fala sobre futebol, mas atitude.

Sabemos que entre nenhuma das melhores seleções do mundo, seja no esporte que for (talvez, exceto pelo basquete), há uma diferença técnica tão avassaladora quanto a ocorrida no 8 de julho de 2014. Então, o que foi que ocorreu naquele dia? Seguramente você tem várias ideias a respeito e eu gostaria de compartilhar com você a minha teoria.

Nesse dia ocorreu com a seleção o mesmo que ocorre com a maioria das pessoas quando se deparam com uma adversidade significativa: eles ficaram abatidos, perdidos e vencidos, muito antes de qualquer derrota ocorrer efetivamente. E porque será que isso ocorreu? Podem ter sido inúmeros motivos, mas eu atribuo-o principalmente à falta de treinamento e preparo numa área que pode ser tão ou mais importante do que a muscular. Faltou aptidão emocional.

Essa aptidão ou força emocional é uma atitude específica perante as dificuldades e um diferencial tão grande que cada vez mais esportistas, sejam estes profissionais ou amadores, investem tempo e recursos em melhorar.

No Método DeROSE, trabalhamos de maneira direta o desenvolvimento e o aprimoramento desta atitude essencial para superar obstáculos, adversidades e assim sermos capazes de vencer e atingir nossos objetivos.

 

Respirar: Por que deveria me preocupar com algo que ocorre naturalmente?

homem barba

A respiração ocorre naturalmente quando nascemos, por instinto, como os outros animais o fazem. Essa é uma respiração ampla, que utiliza a capacidade total dos pulmões. Mas não somos como os outros animais, certo? Começamos a vida engatinhando, depois ficamos em pé e, muitas vezes, mantemos uma má postura. Aprendemos que tem que pôr a “barriga para dentro e o peito para fora”. Nossas roupas nos restringem, nossa imagem nos restringe, afinal, que feio é estufar a barriga enquanto respira! A rotina em escritório nos deixa curvados sobre o computador, respirando de forma curta e ansiosa. E essa lista só cresce.

O oxigênio é uma substância tão importante no nosso organismo que a falta dele nos leva a óbito em minutos. Quais serão os resultados de aprender a trazer mais deste valioso elemento para dentro de nós? A lista novamente é grande: aumento de disposição, da produtividade, da aptidão em administrar o stress e por aí vai.

O mais legal: perceber esse efeito é muito fácil e rápido. Vamos lá, enquanto lê, estenda mais as costas, melhorando sua postura. Descontraia a musculatura abdominal e comece a prestar mais atenção na sua respiração. Agora inpire profundamente e tente expandir a musculatura do abdômen, para permitir que mais ar entre. Ao exalar procure comprimir todos os músculos do abdômen e tórax, para tirar o máximo de ar.

Repita.

Mais uma vez.

E outra, e outra. Continue lendo e fazendo essa respiração.

Não é à toa que a sabedoria popular diz a alguém que esteja irritado e fora de si: calma, respire. Depois você pensa no que fazer. Algo tão simples, tão natural, e que nos impacta de forma incrível. Geralmente, as coisas são assim em nossa vida, o que mais modifica nossos resultados, seja em qual área for, são elementos muito simples, mas que ocorrem com frequência e de forma sistemática.

Já se sente diferente, não é? Que tal tornar isso um hábito e manter uma respiração mais consciente em seu dia?

Mídias sociais

Mantenha-se atualizado sobre os principais acontecimentos da sua escola e da rede Método DeRose via suas redes sociais preferidas, além das postágens do nosso blog